Crueldade: trabalhadores sofrem emboscada, são mortos a tiros e um deles carbonizado no Ceará - Jornal da Ilha Grande Piauí

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Crueldade: trabalhadores sofrem emboscada, são mortos a tiros e um deles carbonizado no Ceará

Alto Santo mortes
O caminhão onde estavam as vítimas foi criminosamente incendiado pelos assassinos 
A Polícia investiga um duplo assassinato com marcas de crueldade na região do Vale do Jaguaribe. Dois homens sofreram uma emboscada em uma estrada na zona rural do Município de Alto Santo (247Km de Fortaleza) e foram fuzilados. Logo depois, um deles acabou carbonizado quando os assassinos incendiaram o caminhão em que as vítimas trafegavam.
O duplo assassinato ocorreu por volta do meio-dia, na Estrada do Ingá, proximidades da rodovia CE-138. De acordo com as autoridades, cerca de 40 tiros com armas de diferentes calibres foram disparados contra o caminhão que transportava uma carga de lenha.
Os dois homens foram literalmente fuzilados. Um deles teve o corpo arrastado para fora do caminhão. O outro ficou na cabine e morreu carbonizado quando os assassinos atearam fogo no veículo. As chamas se espalharam e ainda atingiram a vegetação nas margens da estrada.
Fogo
De acordo com a Polícia, os mortos foram identificados como José Zildemário Moreira de Lima, 52 anos, conhecido pot “Demário”; e Jocélio Pereira Linhares, 43, conhecido por “Célio”, ambos moradores da zona rural de Alto Santo e que trabalhavam cortando e vendendo lenha em toda a região. Os corpos foram removidos pela Perícia Forense e levados para o Núcleo da Pefoce na cidade de Russas.
Policiais da Delegacia de Polícia Civil de Alto Santo já investigam o caso.